o que você está lendo

O que você está lendo? #43

segunda-feira, março 28, 2016


Comecei a ler mais um livro para o Desafio Literário 2016 e estou aqui para contar um pouco mais do livro para vocês. Logo tem resenha aqui no blog. Estou adorando fazer este desafio, não deixem de conferir os livros já lidos! 

Página da Leitura - Lidiane Andrade.
Livro: Bellissima - Nora Roberts
Comentário: Nunca havia lido nada da Nora Roberts, tinha esse livro na minha estante a muito tempo, mas nunca peguei para ler. Através do desafio, comecei a ler o livro e estou adorando, é muito grande, mas uma leitura maravilhosa, muito cativante. A escrita da autora é bem interessante, rápida, mas muito detalhada. Estou na metade do livro, sem muito tempo para ler no momento, mas farei o possível para terminar logo, pois estou muito curiosa para saber como terminará esse mistério da Sra. Jones e o Boldari. 


E aí, o que vocês estão lendo, e o que estão achando? 

Já leu Bellissima, da Nora Roberts? 

livros

Livro O Céu está em todo lugar - Jandy Nelson

quinta-feira, março 24, 2016


Hoje vai ser uma resenha dificil de fazer, já que com esse livro tive diversos sentimentos, comecei a ler e deixei abandonado na estante logo em seguida por meses, pegando para ler e abandonando, chegando a um ponto que eu resolvi pegar de vez e ler todo o livro. Não gostei do geral da história, em que a Lennie se relaciona com o namorado da irmã que faleceu, e ainda se relaciona com um colega de sala, na aula de música. Não aprovava suas atitudes e me sentia decepcionada com muitos acontecimentos chamando a personagem de egoísta muitas vezes. Mas acabei gostando do final do livro, e entendendo um pouco a reflexão do livro, que no caso seria, todo mundo erra, e precisamos passar por algumas dificuldades para percebemos certas coisas e para darmos mais valor no que temos. E que sempre temos escolha, cabe a nós escolhermos entre o certo e o errado. 



Título: O Céu está Em todo Lugar
Autora: Jandy Nelson
Ano: 2011.
Editora: Novo Conceito
Páginas: 316.
Onde Comprar:    Saraiva   
"Eu deveria estar de luto, não me apaixonando."
Às vezes é preciso perder tudo, para encontrar a si mesmo... 
Lennie Walker, obcecada por livros e música, tocava clarinete e vivia de forma segura e feliz, à sombra de sua brilhante irmã mais velha, Bailey. Mas quando Bailey morre de forma abrupta, Lennie é lançada ao centro de sua própria vida, e, apesar de não ter nenhum histórico com rapazes, ela se vê, subitamente, lutando para encontrar o equilíbrio entre dois: um deles a tira da tristeza, o outro a consola.  O romance é uma celebração do amor, também um retrato da perda. A luta de Lennie, para encontrar sua própria melodia em meio ao ruído que a circunda, é sempre honesta, porém hilária e, sobretudo, inesquecível. "É romântico sem ser meloso e leva às lágrimas sem ser exagerado – o que mais o leitor pode querer? "

Lennie sempre teve uma vida tranquila e feliz ao lado dos seus familiares, sua irmã Bailey, sua avó e Bill. Obcecada por livros, leu "O Morro dos Ventos Uivantes" várias e várias vezes sem se cansar, adora música, toca seu clarinete e faz aulas de música. Bailey e Lennie gostavam de ficar contando histórias sobre sua mãe e imaginando o que ela andava fazendo e em que lugar do mundo se encontrava, já que sua mãe abandonou-as para viajar pelo mundo. 

Enquanto Bailey fantasiava encontrar sua mãe, Lennie vivia no mundo da fantasia com seus livros, até que um dia a morte abrupta de Bailey choca toda a família, principalmente a Lennie, que não consegue mais viver em paz. Lennie começa escrever seus sentimentos em folhas e deixar jogadas nas ruas para que o vento levasse os seus sentimentos para longe, começou a escrever em troncos de árvores, em chão, copos, guardanapos e qualquer lugar onde pudesse estar expressando seus tão dolorosos sentimentos. 


Lennie começa ter uma confusão de sentimentos, conflitos em casa, com seus amigos e com si mesma. Não consegue viver com o fato de que não pode mais ter a sua irmã por perto e o único que consegue entender seus sentimentos é o namorado da sua irmã, que está tão abalado quanto ela. Os dois começam se encontrar mais e falar sobre, mas acabam confundindo os sentimentos e tem também o seu colega de sala, que começa a se aproximar de Lennie, com ele, ela consegue se sentir mais viva. 

Lennie não sabe se está apaixonada pelos dois, ou se está apenas confundindo os sentimentos, com o namorado de sua irmã, pois ele é a única coisa que sobrou de sua irmã, e com o colega de sala se é apenas porque ela precisa de alguém. Ela tem que fazer uma escolha, e desvendar os segredos que sua irmã tinha, e também de todos da sua família. 

Era pra ser um livro emocionante e cativante, mas para mim não foi tanto quanto eu esperava e como leio muitas resenhas por aí, vou pegar o livro para ler em um outro momento, talvez eu consiga entender um pouco mais e despertar mais sentimentos e gostar mais do livro. 

estantes

Faça você mesmo: Estante de livros sem gastar muito.

quinta-feira, março 17, 2016

Olá pessoal, tudo bom com vocês?
Hoje eu trouxe para vocês uma algumas ideias bem criativas de estantes em que você mesmo pode fazer, pagando quase nada. Além de ficarem bem mais em conta, ficam também muito bonito, você pode estar fazendo da maneira que combina mais com  a sua decoração. Vamos as dicas!

Prateleira de livros feita com caixas.
Basta arranjar alguns caixotes (desses de feira mesmo), lixar e pintar da cor que preferir. Para decorar o fundo, você pode recortar e colar um pedaço de tecido ou papel estampado, conforme a sua preferência de estampa.

Prateleira de livros feita com livros
Na primeira sugestão, você junta uma série de livros, alinhados pela parte lateral deles, prende uns aos outros com materiais resistentes e depois fixa na parede, simples assim. O tamanho da prateleira você regula com a quantidade de livros agrupados. Na segunda sugestão, você vai precisar de um suporte e um livro. O suporte pode ser de metal ou madeira. Hoje em dia, você encontra facilmente esses suportes próprios para montar prateleiras em lojas especializadas, com cores e formatos variados.

Prateleira de livros com portas
Serre e retire pedaços grandes retangulares da porta. Depois lixe a porta. Pregue alguns pedaços de madeira nos espaços vazios, para servirem como as áreas de apoio da prateleira. Agora é só pintar tudo com a cor preferida e apoiar sua porta prateleira na parede!

Prateleira de livros feita com canos 
Para fazer esse modelo você vai precisar de canos, e algumas braçadeiras ou “cotovelos”. Esse material é facilmente encontrado em lojas de construção, e às vezes, até em caçambas pela rua. Você pode pintá-los com uma tinta brilhante como na foto, ou se preferir, pode usar tinta fosca, gliter ou até encapá-los com tecido.

Prateleira de livros feita com escada
Para fazer uma prateleira criativa igual a do exemplo abaixo, você vai precisar de uma escada dupla e tábuas para apoiar entre os degraus. Aí basta você dar o seu toque, pintando, estampando com tecidos etc. Lembrando que é sempre bom lixar a madeira antes de pintar e que a aplicação de verniz pode dar um acabamento ainda melhor e mais duradouro.

Esta para mim é a mais bonita e mais elegante! 

Então pessoal, bem criativa as prateleiras de livros, não é mesmo? Todas essas ideias ou outras ideias sobre, vocês encontram no Viva Decora

livros

Livro Percy Jackson, A Maldição do Titã - Rick Riordan

sábado, março 12, 2016


Oi pessoal. A resenha de hoje é sobre o terceiro livro da coleção Percy Jackson, é uma série de livros que encanta a muitos leitores, conheço várias pessoas que adoram, mas eu não considero uma série tão boa ao ponto de se tornar favorita. É uma coleção de livros mais juvenis, muito bem escrita pelo Rick Riordan, e muito boa também. Uma leitura rápida, divertida e encantadora, mas eu sempre acho os livros muito previsíveis, sempre que começo a ler, já sei qual será o final, e isso acaba atrapalhando um pouco a leitura, já que não temos nenhuma surpresa pela frente.

Título: A Maldição do Titã
Autora: Rick Riordan
Ano: 2009.
Editora: Intrínseca
Páginas: 316.
Onde Comprar:    Saraiva   
Um chamado do amigo Grover deixa Percy a postos para mais uma missão: dois novos meios-sangues foram encontrados, e sua ascendência ainda é desconhecida. Como sempre, Percy sabe que precisará contar com o poder de seus aliados heróis, com sua leal espada Contracorrente... e com uma caroninha da mãe. O que eles ainda não sabem é que os jovens descobertos não são os únicos em perigo: Cronos, o Senhor dos Titãs, arquitetou um de seus planos mais traiçoeiros, e nossos heróis serão presas fáceis. Um monstro ancestral foi despertado – um ser com poder suficiente para destruir o Olimpo –, e Ártemis, a única deusa capaz de encontrá-lo, desapareceu. Percy e seus amigos têm apenas uma semana para resgatar a deusa sequestrada e solucionar o mistério que ronda o monstro que ela caçava. Divertidíssima e repleta de ação, essa terceira aventura da série coloca nosso herói e seus aliados frente a frente com o maior desafio de suas vidas: a terrível profecia da maldição do titã.

Grover havia partido em uma missão, mas acabou encontrando problemas para conclui-la e fez um chamado ao Percy para que fosse imediatamente ajuda-lo, pois tinha pouco tempo. Dois meios-sangues foram encontrados e eles precisavam leva-los ao acampamento antes que outros monstros sentissem o cheiro deles, que ficariam mais fortes quando soubessem o que são de verdade.

Percy parte para mais uma missão, juntamente com Thalia, filha de Zeus. Mas indo á missão eles acabam não só colocando os dois meios-sangues em perigo, como também a si mesmo. Thalia, Percy e Grover são presas fáceis do plano de Cronos, juntamente com Luke, que mais uma vez tenta destruir o Olimpo e matar Percy, seu maior inimigo, e desta vez com um plano bem mais arquitetado, com o Senhor do Titãs, Cronos, o mais temido. 

Tentando voltar para o acampamento, eles se "esbarram" com as Caçadoras, que por alguns motivos acabam acompanhando-os para o acampamento. Annabeth, a meio-sangue, melhor amiga de Percy e Artemis, a Deusa, lider das caçadoras são sequestradas por Cronos, e agora Percy, Thalia, Grover e as Caçadoras tem mais uma missão, salvar as duas antes do solstício de Verão e desvendar a grande profecia, A Maldição do Titã.

Eu recomendo o livro para todo mundo ler, apesar de não nos prender totalmente a leitura, vale a pena pelo fato de ser divertida, e repleta de ação ao mesmo tempo, mas sem muitas surpresas no decorrer da história. 

o que você está lendo

O que você está lendo? #42

sábado, março 05, 2016

Olá pessoal!
Hoje estou retomando com uma coluna aqui do blog bem antiga. Estou retomando de onde paramos, então volto com o "O que você está lendo?" número 42. Estarei postando todo mês, ainda não tem data certa, mas será no minimo duas vezes ao mês, então não deixe de voltar ao blog para conferir e participar deixando seu comentário com qual livro você está lendo e o que você está achando dele.

Página da Leitura - Lidiane Andrade.
Comentário: Faz muito tempo que eu tenho esse livro na estante, nunca tive o interesse em ler, mesmo gostando de anjos, já tive quase todos da coleção, mas acabei me desfazendo de todos e ficado com o primeiro e o segundo, para um dia começar a ler, e se gostar, já ter o segundo para poder começar a leitura logo em seguida, e finalmente este dia chegou. Comecei a ler o livro e estou gostando bastante, não me arrependo de ter demorado tanto para pegar para ler, pois acredito que para tudo tem o seu tempo, e se caso tivesse pego para ler antes, poderia não ter gostado. Não está sendo um livro favorito, mas estou me surpreendendo com a leitura, e quem sabe até o final eu não adicione a lista de favoritos. Assim que eu terminar de ler venho aqui contar para vocês o que achei, e será em breve, pois falta apenas sessenta páginas para concluir a leitura do livro.

E aí, o que vocês estão lendo, e o que estão achando? 
Já leu Beijada Por Um Anjo? 

livros

Livro Belle - Lesley Pearse

quinta-feira, março 03, 2016



Primeiramente gostaria de dizer inúmeras palavras para a Lesley Pearse, autora do livro Belle, publicado pela editora Novo Conceito, mas entre tantas palavras que eu gostaria de dizer, deixarei aqui apenas uma. Obrigada. Um agradecimento por ter me proporcionado uma leitura tão maravilhosa, tão intensa, que me fez refletir e me sentir parte da história. Com certeza é um dos melhores livros de 2016, e da vida.

"É preciso coragem para perder a inocência"

Título: Belle
Autora: Lesley Pearse
Ano: 2012.
Editora: Novo Conceito
Páginas: 560.
Onde Comprar:    Saraiva   

Londres, 1910. Belle, de 15 anos, viveu em um bordel em Seven Dials por toda sua vida, sem saber o que acontecia nos quartos do andar de cima. Mas sua inocência é estilhaçada quando vê o assassinato de uma das garotas e, depois, pega das ruas pelo assassino para ser vendida em Paris. Sem poder ser dona de seu próprio destino, Belle é forçada a cruzar o mundo até a sensual Nova Orleans onde ela atinge a maioridade e aprende a aproveitar a vida como cortesã. A saudade de casa — e o conhecimento de que seu status como garota de ouro não durará muito — a leva a sair de sua gaiola de ouro. Mas Belle percebe que escapar é mais difícil do que imaginou, pois sua vida inclui homens desesperados que imploram por sua atenção. Espirituosa e cheia de desenvoltura, ela tem uma longa e perigosa jornada pela frente. A coragem será suficiente para sustentá-la? Ela poderá voltar para sua família e amigos e encontrar uma chance para a felicidade? Autora # 1 bet-seller, Lesley Pearse criou em Belle a heroína de nossos tempos: uma mulher forte que luta por seus direitos em um mundo perigoso.

Belle é uma jovem de 15 anos, muito bonita, simpática e inocente, apesar de ter nascido e crescido em um bordel em Seven Dials, onde vive até os seus 15 anos. Sua mãe é a dona do bordel, onde aceita meninas para trabalhar apenas por vontade própria, nunca forçou nenhuma a trabalhar sem sua vontade, já que ela foi forçada a entrar nesse meio, foi sequestrada quando era pequena e forçada a virar prostitua, logo depois herdou o bordel de uma madame. Belle, todas as noites era obrigada a ficar em seu quarto, onde fica muito longe do salão onde os cavaleiros visitam as meninas da casa durante a noite, e ela não fazia ideia do que acontecia na casa durante a noite, inocente demais para entender que sua mãe administrava uma casa de prostituição. 

Belle não tem amigos e vive a maior parte do tempo com Mog, sua governanta, que é mais uma mãe para ela, do que sua mãe biológica, que não demonstra sentimentos e trata a filha com frieza. Belle conhece um garoto muito simpático, que mudou para Seven Dials logo após a morte de sua mãe, e foi morar com seu tio que tem fama de ser bem durão. Eles se tornam muito amigos e ela pensava que poderiam até ter tido algo a mais que amizade, se não estivesse sido sequestrada, exatamente como aconteceu com sua mãe.

Belle foi arrumar o quarto de uma das garotas da casa, e acabou adormecendo, acordando na hora em que já deveria estar em seu quarto, longe do local de trabalho das meninas. Assim que Belle vai sair do quarto acaba ouvindo vozes, é Millie, a "dona" do quarto em que Belle está, e ela está acompanhada. Belle acaba se escondendo e presencia o assassinato de Millie, por um dos homens mais temidos da cidade, talvez do mundo todo, conhecido como Falcão.

Logo depois Belle é sequestrada e mandada para vários lugares, foi estrupada por cinco homens e depois é enviada para New Orleans, onde vive por muito tempo como prostituta, e acaba virando cortesã, para tentar fugir e voltar para Inglaterra. Mas seu caminho de volta para sua família e para Jimmy é muito mais longo do que ela imaginava, e muito duro também. Ela conhece pessoas muito maldosas, que são capazes de qualquer coisa por dinheiro, ela aprende que não se pode confiar em ninguém além de si mesmo. E passa por momentos terríveis, até a beira da morte para conseguir voltar para sua terra natal e abrir sua lojinha de Chapéus, como sempre sonhará.

Mas será se ela conseguirá voltar para a família, realizar o seu sonho e encontrar ao menos um pouco de paz, depois de tudo que viveu?

Um livro maravilhoso, uma história difícil, mas com uma leitura rápida, apesar de tantas páginas, personagens cativantes, e detalhes sobre a cultura de cada país e cidade em que Belle passa que enriquecem ainda mais a história. Recomendo para todo mundo ler, estou apaixonada por esse livro, e já vou correr para ler mais um livro escrito pela Lesley Pearse, não deixe de voltar para conferir a resenha. 

Este livro faz parte do desafio literário 2016, como "Livro com mais de 500 páginas". 

Receba atualizações por E-mail:


TAG'S